Quais são os maiores problemas dentro das empresas ao redor do mundo? A lista pode ser grande, mas quando falamos em projetos de melhorias há um consenso: a maioria deles não é finalizada! Com a gestão de projetos ágeis, é possível organizar as demandas, desmembrar tarefas e acelerar o processo todo, sem abrir mão da qualidade no resultado final.    

O que é a Gestão de Projetos Ágeis? 

A Metodologia ágil ajuda a conduzir projetos buscando maior agilidade aos processos e à conclusão de tarefas. O método cria ciclos curtos de desenvolvimento, com entrega de algo em cada uma das etapas. Então, a equipe consegue avaliar cada fase do desenvolvimento do projeto, sem precisar esperar o resultado final para isso.     

Por isso que as metodologias de gestão de projetos ágeis têm sido tão utilizadas dentro das organizações, pois auxiliam os times a entregar produtos e serviços com maior valor para seus clientes, passando imagem de agilidade e atendimento rápido nas demandas.   

Dessa forma, a gestão ágil impacta em como o negócio é visto, auxilia no controle da qualidade, ajuda na redução de riscos, satisfação de clientes e aumenta a geração de valor.    

Na Frísia Cooperativa Agroindustrial, por exemplo, a técnica já funciona. “A adoção de um modelo de gerenciamento de portfólio e projetos, baseado em técnicas, ferramentas e boas práticas preconizadas por entidades referência no tema como o PMI e o Scrum Org”, disse Rodge Leonardo Vicente Ferrez, Especialista de Projetos da Frísia.

Segundo ele, o modelo visa suportar o crescimento da Organização através da busca por maior assertividade em investimentos realizados para novos empreendimentos, bem como, em uma maior garantia de que eles serão bem-sucedidos em todo seu ciclo de vida, culminando na satisfação das expectativas dos principais stakeholders.

Manifesto Ágil 

A metodologia ágil surgiu como uma resposta às necessidades que os desenvolvedores de softwares tinham. Na década de 1990, quando aconteceu o primeiro boom da Internet, o desenvolvimento de softwares era feito de maneira linear, com a conclusão de uma etapa do projeto levando à próxima. 

Já no começo de 20021, um grupo de desenvolvedores de Utah, nos EUA, se reuniu para discutir outras formas, menos estressantes, para o desenvolvimento de suas atividades. Eles, então, assinaram um documento chamado “Manifesto para o Desenvolvimento Ágil de Software”

Foram estabelecidos 12 princípios da metodologia ágil, além de 4 fundamentos-chave: 

Os fundamentos-chave são: 
Indivíduos e interações acima de processos e ferramentas; 
Software funcionando acima de documentação abrangente; 
Colaboração com o consumidor/cliente acima de negociação de contratos, 
Resposta às transformações/mudanças, mais do que seguir um plano.  

Quais são os 12 princípios da metodologia ágil?

1. Ter como prioridade a satisfação do cliente por meio de entregas de valor contínuas e rápidas;  

2. Ser receptivo a alterações nos requisitos em qualquer fase do processo. Aliás, ambientes mutáveis são empregados em toda etapa do projeto para entregar ao cliente vantagem competitiva;  

3. Realizar entregas frequentes (do produto ou serviço) no menor período de tempo possível;  

4. Manter a colaboração das partes envolvidas em todo o projeto, diariamente;  

5. Fornecer o ambiente, as ferramentas e o suporte necessários aos indivíduos do projeto, além de acreditar neles para realizar as atividades;  

6. Estimular a comunicação pessoal, que transmite as informações necessárias ao time de colaboradores, sendo o meio mais eficiente. Nesse ponto, atenção especial para reuniões presenciais, consideradas mais eficazes para o sucesso do projeto;  

7. Um produto final de trabalho corresponde à medida final do êxito. No caso da tecnologia, a medida primária de progresso consiste no software em funcionamento;  

8. Os profissionais envolvidos no processo precisam manter um ritmo constante, de modo indefinido, pois fluxos ágeis estimulam um desenvolvimento sustentável. Da mesma maneira, o desenvolvimento sustentável é feito por intermédio de processos ágeis, por meio dos quais as partes interessadas conseguem manter um ritmo contínuo e cíclico;  

9. Manter atenção frequente à excelência de design e técnica eleva ou aprimora a agilidade;  

10. Eliminar o máximo de esforços que não geram valor ao produto, pois a simplicidade é fundamental;  

11. Equipes auto organizáveis propiciam os melhores designs e arquiteturas, além de atenderem aos requisitos do projeto,  

12. Por meio de intervalos regulares, o time de colaboradores do projeto reflete sobre como melhorar a sua eficiência e eficácia para otimizar o seu comportamento. 

Agora que você sabe tudo isso, como implementar a Metodologia Ágil em sua empresa?  

Dê pequenos passos 

Pode parecer que o desafio a ser enfrentado é enorme, mas se você dividi-lo em pequenas metas, vai ver que ele não é um bicho-papão. Na terminologia agile, isso é chamado de “trabalho de desconstrução”. 

Desconstrua tudo o que precisa fazer e crie pequenas tarefas e responsabilidades. Transformar grandes tarefas em pequenas metas ajuda na motivação e aumenta suas chances de sucesso. 

Trabalhe em equipe 

Valorize a equipe! Além de ter perspectivas diferentes para o mesmo desafio, você ainda se sentirá motivado. Se você precisar completar uma tarefa difícil, peça sugestões ou conselhos, ou envolva outras pessoas para ajudar.   

Coloque em prática o hábito de testar 

Essa é uma das marcas do método ágil: testar, experimentar e mexer. Em vez de esperar pela perfeição, levando um tempo grande que você não tem, os processos ágeis promovem os benefícios de encontrar as falhas cedo, fazendo com que as melhorias venham com a mesma velocidade.   

Ajude os outros 

Mantenha o cliente envolvido em todos os processos. Por isso, peça o feedback das pessoas que utilizam seu produto ou serviço e busque informações sobre como você pode melhorar sua eficácia. 

Foque na melhoria contínua 

O modelo ágil é eficaz porque as tarefas são feitas em ciclos curtos nos quais a equipe recebe feedback regularmente.  Por isso, o foco é na melhoria contínua daquele produto ou serviço.  

E aí, o que achou deste texto? 
Siga conectado no Digital Agro News para saber as últimas novidades sobre tecnologia e inovação!