A alta no preço do leite foi um dos assuntos mais discutidos nas últimas semanas. Entre os meses de julho e agosto esse aumento deve chegar a 15%, segundo estimativas. Contudo, de acordo com um estudo realizado pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, com a volta das chuvas, a previsão é de que ocorra um aumento na produção e queda nos valores.

Segundo a pesquisadora do Cepea, Natália Grigol, a produção deve aumentar nesse período devido ao aumento da qualidade das pastagens, graças ao retorno das chuvas sazonais da primavera.

Foto: Freepik

“Então, com o aumento da produção de leite na primavera, depois de setembro os preços tendem a cair abaixo da média anual, e aí a gente pode dizer que se inicia o movimento de safra da produção de leite no Brasil”, contou ela em entrevista à CNN Brasil.

(Informações da CNN Brasil)