Atualmente é quase impossível fazer a gestão de uma propriedade rural sem o uso das tecnologias digitais. Cada vez mais a inovação invade as fazendas para facilitar de todo mundo. Foi pensando nisso que o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) abriu vagas para quem quer se atualizar e aprender um pouco mais sobre a atividade rural no meio digital. 

 O curso Agropecuária Digital começa no dia 12 de maio. Ele é voltado para pessoas ligadas ao meio rural em geral – produtores, filhos de produtores, trabalhadores rurais e profissionais do setor -, que queiram adquirir conhecimento sobre a agropecuária digital, identificando tendências e as principais tecnologias atuais, inovações e possibilidades de implementação na gestão da propriedade rural. 

O curso é para maior de 18 anos e está organizado em cinco módulos.   

Módulo 1: Evolução da agropecuária 
Aula 1 – Visão geral: passado, presente e futuro da agropecuária 
Aula 2 – Visão econômica: importância da adoção de tecnologias para a obtenção de melhores resultados na agropecuária 

Módulo 2: Tecnologias em hardware disponíveis para o agro 
Aula 1 – Internet das Coisas, sensores e robótica 
Aula 2 – Drones e satélites utilizados no acompanhamento da produção 

Módulo 3: A computação utilizada na agropecuária digital 
Aula 1 – Informações acessíveis com computação em nuvem 
Aula 2 – Segurança dos dados do campo e proteção da privacidade 
Aula 3 – Comunicação de dados no campo: 4G, 5G e outras tecnologias 
Aula 4 – O grande volume de dados gerados e big data 
Aula 5 – Inteligência artificial na agropecuária 

Módulo 4: Moedas e contratos digitais 
Aula 1 – O que é a blockchain e como ela se aplica à nova agropecuária 
Aula 2 – Novas moedas eletrônicas e criptomoedas 

Módulo 5: A nova economia 
Aula 1 – Descarbonização da economia 
Aula 2 – Cadeia de suprimentos para a nova agropecuária 
Aula 3 – No lugar de lojas físicas, sites e e-commerce 
Aula 4 – Compras automatizadas antes de o produto faltar 

Para receber o certificado, basta realizar todas as atividades e responder à pesquisa de satisfação.  Para se inscrever, acesse o site do Senar.  

(Com informações de AG/Evolution)